Como proteger o pendrive contra Vírus

O pendrive é um dos dispositivos portáteis mais antigos que temos. Podemos transportar arquivos de diversos tipos para onde quisermos, sem nenhuma dificuldade. Porém, pessoas de mal também usam destas facilidades; é claro que estamos falando de vírus e malwares.

Antes de começar será necessário que você faça o backup de todos os seu arquivos, dessa forma, você não correrá o risco de perder nada.

Passo 01. Para um melhor comportamento do dispositivo, teremos que formatá-lo. Para fazer isso basta que você vá em “Meu computador”, clique com o botão direito do mouse sobre a unidade do pendrive e selecione a opção “Formatar”.

formatar-pendrive

Passo 02.  Uma janela irá se abrir, em “Sistema de arquivos” marque a alternativa “NTFS”, logo em seguida, no campo “Rótulo do Volume” escreva o nome que desejar atribuir ao dispositivo, observe se está marcado a opção de “Formatação Rápida”, depois é só clicar em “Iniciar”.

formatar-pendrive2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Passo 03. Depois da formatação for efetuada com sucesso, crie uma nova pasta com o nome que desejar dentro do pendrive. De agora em diante os arquivos que você quiser passar para o dispositivo terão que ser guardados apenas dentro da pasta.

Passo 04. Abra novamente “Meu Computador” e clique com o botão direito do mouse sobre o ícone que representa a unidade de armazenamento, logo em seguida vá até “Propriedades”.

td_pendrive-propriedades1

Passo 05. Procure pela guia “Segurança” a seguir por “Editar”.

permissoes-pendrive

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Passo 06. Uma nova janela irá se abrir, na coluna “Negar” marque a caixinha “Gravar”. Feito isso clique em “Aplicar”, se uma outra janela aparecer informando que só o proprietário poderá alterar as permissões, clique em “Sim” e depois em “Continuar”, em seguida clique no botão “OK” das janelas que foram abertas.

permissoes-pendrive1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Passo 07. Lembra da nova pasta que foi criada por você no “Passo 02”, agora vamos fazer a mesma coisa do passo anterior, só que dessa vez não iremos negar e sim permitir. Vá até o seu pendrive e depois sobre o ícone da pasta clique com o botão direito do mouse e em seguida “Propriedades”.

td_permissoes-pendrive2

Passo 08. Na guia “Segurança” clique em “Editar”

permissoes-pendrive3

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Passo 09. Marque o “Controle Total” do grupo “Permitir”. Para finalizar clique em “OK”.

permissoes-pendrive4

Conclusão Final

Não há muita dificuldade para realizar esse procedimento. Basicamente você proibiu que qualquer arquivo fosse gravado na raiz do seu pendrive, onde a maioria das vezes os vírus se alojam, porém, você não poderá manipular seus arquivos fora da pasta e sim dentro e o melhor de forma muito mais segura.

Para você entender melhor o que aconteceu, tente passar qualquer documento para a pasta raiz do pendrive, notará que não irá autorizar, em seguida tente transferi-los para a pasta criada no começo do tutorial, perceberá que tudo ocorreu com sucesso.

Pronto! Seu pendrive agora está livre e protegido contra vírus e já pode ser utilizado normalmente, lembre-se que deverá gravar os seus arquivos na pasta criada por você. E não se esqueça de dizer o que achou do tutorial, e caso você tenha outros métodos que não foram citados, compartilhe conosco aqui nos comentários.

 

Fonte: https://www.oficinadanet.com.br/post/13014-como-proteger-o-pendrive-contra-virus

 

Erro na instalação do .net framework 4

Fui instalar o CorelDraw e tive problemas com a instalação do .net framework 4. Como o erro era genérico resolvi baixar o instalador do site da Microsoft e, ao instalá-lo, obtive a seguinte mensagem de erro:

Final Result: Installation failed with error code: (0xC8000222) (Elapsed time: 0 00:00:06)

Este comportamento pode ocorrer se a pasta temporária do Windows Update tiver sido corrompida. Podemos seguir os seguintes passos para renomear esta pasta. Por favor, tenha certeza de que a pasta tenha sido criada quando for visitar o sítio do Windows Update novamente.

1º Passo: Clique em Iniciar -> Todos os programas -> Acessórios. Clique com o botão direito sobre o ícone do Prompt de Comando (algo como o terminal do Linux) e clique sobre “Executar como administrador“. Os comandos que devem ser digitados a seguir precisam de permissão de administrador e se não fizer desta forma não conseguirá executá-los. Receberá o seguinte erro do terminal:

Com o Prompt de Comando em modo de Administrador, digite o seguinte comando para parar o serviço do Windows Update:
net stop WuAuServ

2º Passo: Abra o Windows Explorer e vá até a pasta do Windows, encontre a pasta SoftwareDistribution.

3º Passo: Renomeie esta para para algo como SDold.

4º Passo: Digite o comando para iniciar o serviço do Windows Update novamente:
net start WuAuServ

Agora pode tentar novamente a instalação do .net framework 4. No meu caso, consegui instalar o CorelDraw diretamente depois de realizar os passos acima.

Configurando o JDK (Java Development KIT) no Windows

Para desenvolver aplicações Java, o programador deve instalar em sua máquina um Java Development Kit (JDK). Um JDK contém diversas ferramentas utilizadas na criação de um programa Java. Mostro a seguir como configurar um JDK no sistema operacional Windows.

Testado nas versões Windows XP / 2000 /  7  /  8  /  8.1.Após a instalação do JDK (Java Development KIT) será necessário configurar as diretivas ( também conhecidas como “Variáveis de Ambiente” ) no Windows , você deve fazer da seguinte maneira:

1º Passo: Clique no menu “Iniciar”, depois em “Painel de Controle”. Escolha então “Sistema”. Na janela que abrir, clique na aba “Avançado” e depois no botão “Variáveis de Ambiente”.

2º Passo: Na próxima tela, clique em “adicionar”, Uma nova janela surgirá.

3º Passo: No campo Nome da Variável digite JAVA_HOME e no campo valor da Variável digite o caminho do diretório onde foi instalado o JDK. Como utilizamos o local padrão, o valor, no nosso caso, é C:\ProgramFiles\Java\jdk1.6.0_26.

IMPORTANTE: Se você instalou uma versão diferente do JDK, então o nome da pasta também será diferente. Antes de colocar o caminho na variável de ambiente verifique a existência do diretório. Em seguida clique OK.

4º Passo: Faça o mesmo procedimento para criar a variável CLASSPATH e no valor da variável digite   . ; %JAVA_HOME%

OBS.O valor da variável começa com ponto (.), pois as bibliotecas também serão buscadas no diretório corrente.

5º Passo:Por último modificaremos a variável PATH. Para isto, selecione em Variáveis de Sistema a variável PATH clique em Editar.

Cuidado, esta variável define em quais lugares o Windows vai procurar por executáveis, por isso, não apague nenhum valor. O que vamos fazer é adicionar, depois do último caractere do valor da variável, mais um caminho, que é onde está, por exemplo, o compilador do java. Adicione no final do valor da variável o seguinte texto  ;%JAVA_HOME%\bin

6º Passo: Para verificar se a instalação e configuração do JDK foi concluída com sucesso, abra o terminal Prompt de Comando. Digite o comando javac  -version, e pressione enter. Se tudo deu certo, o resultado deve ser a impressão da versão do JDK que você instalou.

Você já está pronto para programar em java!

Como remover vírus que transforma arquivos do pen drive em atalhos

Pen drives, especialmente os utilizados em computadores públicos como em escolas, lan houses, hotéis e afins, são muito suscetíveis a contaminação por vírus presentes em dispositivos de outros usuários da máquina. Um dos mais comuns é o chamado “vírus de atalho” que cria diversos ícones indesejados no seu dispositivo USB ao mesmo tempo que oculta os arquivos que realmente importam; dificultando, ou até impedindo, o acesso a eles.

Sigam os passos abaixo:

Passo 1. Insira seu pendrive em um computador confiável. Ou seja, que você tenha certeza que não esteja contaminado por um novo vírus. Vale a pena atualizar e rodar o antivírus no PC antes de iniciar o procedimento;

Passo 2. Abra a pasta do dispositivo USB, mas não clique em nenhum dos atalho

Passo 3: Mantenha pressionado a tecla SHIFT e clique com o botão direito em um espaço VAZIO. Logo após, clique em “ABRIR JANELA DE COMANDO AQUI”, o prompt de comando será iniciado no diretório atual do seu pendrive.

Passo 4: Digite no prompt o comando:      attrib  -h  -r  -s  /s  /d  E:*.*  .Troque a letra sublinhada, E, pela letra da unidade removível.Ao finalizar, clique em enter.

Passo 5. A partir desse momento, seu programa antivírus irá identificar os problemas no seu pen drive e começará a limpá-lo. Se aparecerem janelas pedindo sua aprovação para excluir o vírus ou movê-lo para quarentena, aceite.

Pronto, agora seu pendrive está livre do vírus de atalho e já pode ser utilizado normalmente. Certifique-se de testar o dispositivo antes de inseri-lo em outras máquinas e, sempre que possível, passe o antivírus em qualquer pen drive conectado ao seu computador pessoal.

Fonte: http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2013/11/como-remover-virus-que-transforma-arquivos-do-pen-drive-em-atalhos.html